M.I. Quieto como um Rato

Hoje vamos explorar como se joga ao Quieto como um rato.

Nome Quieto como um Rato – “Mucks Mauschen still”
Marca  HABA
Local de compra Cristina Siopa;
Custo aproximado  13,20€

Idade

É um jogo para idades superiores a 5 anos, podendo ir até aos 99 anos!

Este jogo é constituído por:Quieto como um rato (1)

  • estrutura em madeira com vários buracos – castelo de queijos;
  • pauzinhos de madeira;
  • dois dados com 6 cores;

Este jogo  é adequado para crianças apartir dos cinco anos e tem como objetivo passar os pauzinhos pelo castelo de queijos, sem tocar nos buracos ou extremidade dos mesmos.

Vamos jogar?

  • os pauzinhos são distribuídos de igual modo por todos os jogadores;
  • o primeiro jogado lança os dois dados e memoriza as cores que saem em cada dado;
  • pega num pauzinho e vai passar cuidadosamente com o mesmo, pelos buracos correspondentes as cores saídas, sem tocar nas extremidades (se tocar o sino toca e o jogador perde a sua vez);
  • os outros jogadores têm que ficar calados que nem uns ratos, para não desconcentrar o jogador;
  • ganha quem ficar sem pauzinhos;

O livro permite trabalhar:

  • Concentração/atenção;
  • Pensamento lógico;
  • Cores;
  • Memória;
  • Motricidade fina;
  • Coordenação e capacidade de perceber e seguir regras;
  • Gestão emocional;
  • Reflexão;

Intervenção com logo

 

Diferentes Aplicações

 

Intervenção em Psicologia

No seguimento de outros jogos que podem abordar emoções, este é um jogo em que pode usar a utilização do dado para lançarmos e sair uma cor. Cada cor poderá ser baseada numa emoção primária – Alegria, Raiva, Tristeza, Surpresa, Medo e Nojo.

Em cada uma das cores, podemos explorar as histórias e episódios que as crianças possam ter vivido, como partilhar os nossos para ajudar a criança a tomar consciência do processo de associar a Cor – Emoção – Memória – Episódio de vida!

Poderá ser apresentando uma reflexão com as crianças mais velhas sobre uma situação que poderia causar alguma daquelas emoções e ponderar com ela como poderá ser resolvida.

 

Recomendação Familiar

Este jogo permite fortalecer os laços familiares e a interacção da criança com os familiares que estão presentes no seu dia a dia.

É um jogo simples, que requer somente motricidade fina e engenho para enfiar o pauzinho no local correcto, evitando tocar o sino. Este é o ponto que leva os miúdos ao delírio, tendo em conta ficam a tentar distrair quando perdemos a concentração e tocamos no sino sem querer.

É neste momento que necessitamos de ajudar a criança a aprender a esperar pela sua vez e a estar em silêncio respeitando o jogo do outro. O que é um verdadeiro desafio!

As regras da família, podem ser mais inventivas, de forma que possam ajudar as crianças a tomar consciência do respeito e das necessidade das regras, ao mesmo tempo que se divertem com os erros e aprendem com os mesmos a melhorar o seu desempenho na próxima vez, sempre de uma forma divertida.

 

Boas jogadas!