Emociona-Te! com Maurits Escher

Hoje falamos do artista gráfico holandês conhecido por Escher!

relativity-lattice.jpg!PinterestSmall

Conhecido pelos seus últimos trabalhos que abordavam a percepção e a forma como víamos cada obra. Levando com regularidade a questionar o que os nossos olhos realmente estão a ver!

A sua infância foi pautada pela doença, enquanto na adolescência foi desenvolvendo os seus dotes no desenho e nas artes manuais e musicais como a carpintaria e o piano.

Aos 19 anos entra na Universidade de Arquitectura e Artes Decorativas de Haarlem, por questões de saúde, houve a necessidade de mudar de Arquitectura para Artes Decorativas.

O ano da sua mudança e maturação deu-se a 1922, viajou para Itália – Florença, San Gimignano, Volterra, Siena, Ravello – e depois por Espanha – Madrid, Toledo, Granada.

alhambra
Detalhe de uma das paredes do Castelo de Alhambra – Granada

O impacto dos campos de Itália, na zona da Toscana e os monumentos espanhóis, nomeadamente o castelo mouro de Alhambra – Granada, ajudou ao desenvolvimento da sua arte por toda a sua carreira.

Em 1924, acaba por se casar e mudar-se para Roma, vivendo durante alguns anos em Itália. Contudo, em 1935, acaba por mudar-se para a Suiça, após compreender o impacto do clima político, liderado por Mussolini.

Passado algum tempo, com o desenrolar da II Guerra Mundial, acaba por mudar-se para Bélgica, e por último retorna aos Países Baixos ou mais conhecida por Holanda!

Nos últimos anos da sua vida, por condições da meteorologia, acaba por intensificar e focar-se na sua obra, criando os seus famosos quadros.

Os seus estilos foram: Surrealismo, Realismo, Expressionismo, OP Art, Art Déco, Art Nouveau, Cubismo, Renascimento Nórdico.

Agora apresentamos algumas das suas obras!